sexta-feira, 1 de abril de 2011

A COISA ERRADA - Rogério Camargo

O medo de ter feito coisa errada
carrega junto o medo do castigo.
"Agora ninguém vai ficar comigo,
estou com minha vida desgraçada!"

Uma impressão profunda, enraizada,
no chão do chão, muito pra lá de antigo,
aonde o fraco procurou abrigo
e miseravelmente encontrou nada. 


Medo de errar e ver as consequências
baterem forte numa coisa fraca
que poderia se fortalecer.

Abrir os olhos e pagar pra ver:
ler no caminho muito além das placas
que avisam tão somente as aparências.

ROGÉRIO CAMARGO
01.04.2011
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...