sexta-feira, 8 de abril de 2011

PERIGO DESAFIADO - Rogério Camargo

Desafiar o perigo tolamente,
pelo prazer das emoções baratas,
mostrar coragem como um indigente
que vive das migalhas do que cata;

desafiar como o tolo inconsequente
que cobre-se de glória nas bravatas,
jamais desconfiando que é doente,
daí que não se cura nem se trata.



O desafio gratuito é uma bobagem
aonde ninguém leva mais vantagem
do que a frivolidade estrutural.

Por si melhor fariam os viciados
se vissem não apenas um dos lados
daquilo que compõe o bem e o mal.

ROGÉRIO CAMARGO
08.04.2011
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...