sexta-feira, 14 de novembro de 2008

História de Pescador


Esta é mais uma Historia de Pescador, mas eu tenho certeza de que aconteceu em algum lugar mais ou menos assim...

Um Sábio ao andar por uma cidade encontra um homem com fome. Como sabia da existência de um rio próximo, ensina o homem a construir uma vara de pesca e a pescar, e vai embora.
Ao preparar o primeiro peixe para comer, o aroma agradável atrai um administrador que por ali passava. Vendo o pobre homem e seu peixe, decide ajuda-lo. Convence-o de que deveria vender seu produto e com o dinheiro comprar uma vara de pesca e desta forma poder ampliar seu estoque.
De posse de uma nova vara de pesca, mas ainda com fome, o homem põe-se a pescar e consegue vários exemplares vistosos.
Um publicitário que o vê com tantos peixes convence-o, ao troco de alguns deles, a fazer sua campanha de vendas de forma que ele pudesse ganhar muito dinheiro.
As vendas iam bem, até que chegou um fiscal e lhe pediu a licença de pesca comercial. Sem tê-la o homem é autuado em flagrante delito e conduzido à cadeia.
Na cadeia o homem conhece um advogado que, apiedado da história, resolve defende-lo. Consegue reduzir a pena à uma multa que junto com os honorários do advogado, leva todo o dinheiro que o homem havia ganho com os peixes.
Livre, novamente, e ainda com fome o homem põe-se a chorar...
Seu sofrimento atrai um filósofo que interessa-se pela historia do homem sem sorte.
Após lhe pagar um almoço, decide ajuda-lo.
Junto com ele passa a dar aulas de pesca para as pessoas que desconheciam a excelente técnica aprendida com o sábio. Ao ganhar algum dinheiro resolvem criar uma escola de pesca. Contratam o administrador para gerenciar o negócio que se expande, o advogado para resolver as questões legais que começam a surgir, e o publicitário para divulgar seu novo negócio.
Hoje o filósofo e o homem, ambos ricos, passam o tempo passeando e ajudando àqueles a quem, um dia, o sábio ensinou a pescar....

Moral da História:
Nenhuma, quem falou que deveria haver moralidade em uma história de pescador? Um sábio? Ora, vá pescar...
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...